Polícia Civil cumpre mandatos de prisão contra suspeitos de envolvimento na morte de um homem na região norte de Palmas
Polícia Civil cumpre mandatos de prisão contra suspeitos de envolvimento na morte de um homem na região norte de Palmas

Armas de fogo e munição apreendidas pelos policiais civis do Gote na residência de um dos presos na operação – Foto: Alessandro Ferreira / Agência Tocantins

A Polícia Civil do Tocantins por meio da 1ª Divisão de Homicídios e Proteção à Pessoa – DHPP de Palmas, deflagrou na manhã desta quinta-feira 13, a Operação “Granbbing Terram” para dar cumprimento há vários mandatos de busca e apreensão e mandados de prisão de pessoas suspeitas de envolvimento no homicídio ocorrido na noite do dia 08 de abril desse ano na quadra Arno 44 (antiga 409 Norte) em Palmas.

Um dos alvos da operação foi preso em uma residência localizada no setor Água Boa, numa região de chácaras na área norte de Palmas, na casa do acusado, os policiais do Grupo de Operações táticas Especiais – GOTE da Polícia Civil apreendeu armas de fogo e munições de vários calibres, além de um colete balístico. O homem que não teve o nome divulgado é apontado pela Polícia Civil como o autor dos disparos que levou a óbito José Amilton Lima de Amorim, 49 anos.

A operação foi deflagrada nas primeiras horas dessa quinta-feira e contou com efetivo da 1ª DHPP de Palmas e apoio de policiais do Grupo de Operações Táticas Especiais – GOTE da Polícia Civil.

De acordo com informações apuradas pelo jornalista Alessandro Ferreira, da Agência Tocantins, os mandatos de prisão e de busca e apreensão foram expedidos pelo Poder Judiciário após investigações realizadas pela 1ª Divisão de Homicídios e Proteção a Pessoa – DHPP.

Os mandatos foram cumpridos simultaneamente em várias regiões de Palmas, no total quatro pessoas suspeitas de envolvimento no homicídio de José Amilton Lima de Amorim, eles foram conduzidos para a Sede da DHPP da Capital onde após serem ouvidos pela delegada responsável pelo caso serão encaminhados para a Carceragem da Casa de Prisão Provisória de Palmas – CPPP onde permaneceram à disposição do poder judiciário.

Os nomes dos presos não foram divulgados, mas segundo apurado pela nossa reportagem, entre os presos estão o proprietário de um clube de tiro de Palmas, um dentista e um comerciante nossa reportagem não teve informações sobre a quarta pessoa presa.   

Nossa equipe segue acompanhando todo o desenrolar da operação, mais informação com nome dos suspeitos presos nesta operação será divulgado após nossa equipe falar com a delegada responsável.

Policiais civis do Grupo de Operações Táticas Especiais   GOTE durante cumprimento de mandado de busca e apreensão na região norte de Palmas   Foto: Alessandro Ferreira / Agência Tocantins Policiais civis do Grupo de Operações Táticas Especiais – GOTE durante cumprimento de mandado de busca e apreensão na região norte de Palmas – Foto: Alessandro Ferreira / Agência Tocantins   Residência onde um dos suspeitos foi localizado e preso pela Polícia Civil   Foto: Alessandro Ferreira / Agência Tocantins Residência onde um dos suspeitos foi localizado e preso pela Polícia Civil – Foto: Alessandro Ferreira / Agência Tocantins  Suspeito de envolvimento no crime de homicídio preso pela equipe do Gote na região norte de Palmas   Foto: Alessandro Ferreira / Agência Tocantins Suspeito de envolvimento no crime de homicídio preso pela equipe do Gote na região norte de Palmas – Foto: Alessandro Ferreira / Agência Tocantins 

 

 

Reportagem: Alessandro Ferreira / Agência Tocantins 

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.